Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

de costas pr'ó mar

por Mariana Sofia

por Mariana Sofia

de costas pr'ó mar

18
Ago17

As camisolas de Educação Física serviam para isto.

Mariana Sofia

Não, eu não senti o sismo de 4,3 na escala de Richter. Quando é para dormir, eu durmo. E, quando é para arrumar, eu arrumo. Até que nem me importo com as grandes limpezas. Aquelas em que deitamos metade da tralha, que temos nos móveis, fora.

 

E, numa dessas limpezas, fui dar com as camisolas de educação física. Aquelas que tinham o símbolo (feio, diga-se de passagem) da escola. Éramos obrigados a comprá-la, e a usá-la. Se não a levássemos, falta de material no livro de ponto. Mas estas camisolas tinham um propósito bastante interessante.

DSC_1151.JPG

No final de cada ano letivo, viam-se as camisolas de educação física a circular, de mãos em mãos. Era tempo de eternizar em palavras o que tinha sido a nossa amizade durante aquele ano. Com os melhores momentos a fervilharem, e os menos bons a serem esquecidos. Era o tempo de pedir a todos os que nos acompanharam, colegas, professores e amigos, que escrevessem qualquer coisa na nossa camisola. Tudo para a posteridade. 

 

No outro dia, quando fui dar com elas no fundo de uma caixa, li todas as mensagens. Umas mais fáceis de ler do que outras. Sei quem escreveu, mesmo que não esteja assinada. Lembro-me bem da cara de cada um dos que comigo passaram todos aqueles anos. Foi bom recordar os melhores momentos com todas aquelas pessoas que, a bem ou a mal, me fizeram crescer. Todos aqueles bons momentos que me deixam com um sorriso tímido, estão presentes. E recordo-os com um carinho especial, relatando-os vezes sem conta.

 

Mas, também a mágoa esteve presente. Grandes amizades ficaram perdidas. Perderam-se talvez nos momentos menos bons, pelos quais passámos. Hoje, passamos uns pelos outros e fingimos que não nos conhecemos. (Apesar de andarmos sempre a vasculhar as suas vidas, nas redes sociais ou através das fracas ligações que ainda nos unem!) Já aqueles que pouco nos diziam, na altura, são os que nos fazem uma festa quando nos voltam a encontrar, anos depois.

 

O tempo passa. A vida acontece. As memórias vão-se construindo. E eu, fiz as escolhas certas. 

beijinhos **

Não se esqueçam que estamos no instagram, facebook e bloglovin'.

14 comentários

Comentar post

Descobre mais aqui

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

On Instagram

On Blogging

blogging.pt

On Bloglovin

Follow

Bloggers Squad Portugal

Parcerias