Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

de costas pr'ó mar

por Mariana Sofia

04
Out17

Desarrumações Mentais

Mariana Sofia

Este é talvez o 'fora de horas' mais engraçado que já passou por aqui. Um desafio completamente desafiante à nossa capacidade de escolher situações jamais imaginadas, que nos fazem refletir sobre a sobrevivência com seres impensáveis. O P.A é a referência para este desafio, e as suas respostas são as melhores.

536030737.jpg

(imagem surripiada da internet)

 

* Se te pagassem 100.000€ para posares na capa de uma revista, a segurar uma garrafa de champanhe numa mão e com alguém ao teu lado a dar-te morangos à boca vestido com o fato-de-banho verde do Borat, preferias que essa pessoa fosse o Manuel Luís Goucha ou o Fernando Mendes?

Não é preciso uma grande análise. O tio Goucha é mais chique e elegante, pelo que seria muito menos aterrador estar ao seu lado com aquele fato de banho super in

 

* Ias num cruzeiro, o teu barco naufragava, só havia dois sobreviventes e ambos davam à costa na mesma ilha deserta, com 4 metros x 4 metros. Teriam que obrigatoriamente conviver um com o outro todas as 24 horas do dia e ajudar-se mutuamente para sobreviver. Escolhias naufragar com o Donald Trump ou com o Kim Jong-un?

Completamente indiferente. Arranjaria uma maneira qualquer de afogar os dois. Eu sobreviveria, mas eles não. Lamento, mas acabaram de conhecer o meu lado menos humanitário. 

 

* Estás de olhos vendados numa câmara de tortura a ouvir em loop os mesmos 5 CD's. Não sabes quanto tempo vais lá estar, pode ser 1 dia, pode ser um ano. Que banda sonora escolhias: Quim Barreiros ou Ana Malhoa?

Fácil, fácil, fácil. Team Quim, obrigada semanas académicas, festas académicas e todos os arraias. 

 

* Escolhe, rápido: uma martelada no meio da mão direita ou bater com o dedo mindinho do pé esquerdo na quina de um móvel?

O dedo mindinho já está mais do que habituado a ser o sofrido. A mão direita é muito valiosa, não vivo sem ela.

 

* Última pergunta desta ronda: se fosses eleito presidente de Portugal, e te fosse concedido um génio da lâmpada que só te pudesse realizar um único desejo relativamente às tuas ações políticas, tu optavas por aumentar o salário mínimo para 1100€/mês ou fazer com que nunca mais houvesse um incêndio em Portugal?

Esta é a mais difícil. Ambas as ações são altamente imprescindíveis. Por um lado, o salário mínimo atual não cabe na cabeça de ninguém. Uma família sobrevive, não vive. Por outro lado, este foi o verão mais fustigado pelos incêndios. Pessoas que perderam todas as poupanças de uma vida, que perderam o seu sustento. Perderam tudo, até a esperança. Assim, não haver incêndios em Portugal parece-me a mais exequível.

beijinhos **

Não se esqueçam que estamos no instagram, facebook e bloglovin'

8 comentários

Comentar post

Descobre mais aqui

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

On Instagram

On Bloglovin

Follow

Bloggers Squad Portugal

Parcerias