Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

de costas pr'ó mar

Mariana Sofia

Sab | 20.01.18

Desafio 52 semanas | Coisas para se fazer no calor

O desafio desta semana é mesmo a minha cara. É que foi mesmo escolhido a dedo, porque andei a semana toda a reclamar do frio, ao mesmo tempo que sonhava com o dia em que voltarei a sentir a areia nos pés. O sol a bater-me nas costas. As sardas. O sol a entrar pela janela e a deixar-me de sorriso rasgado. O chinelo no pé. A toalha de praia debaixo do braço. A máquina fotográfica na mão. E um sorriso rasgado por ter a oportunidade de poder aproveitar cada minuto de sol e de calor.

#3.png

* A praia é o melhor sítio onde ir quando os dias começam a ficar mais quentes. É o melhor sítio para se ir quando estão aqueles dias tão quentes, que parece que sufocamos. É o melhor sítio para sentir tudo o que há para sentir.

 

* O pôr do sol é das melhores coisas que temos o privilegio de poder admirar quando os dias estão mais quentes. Especialmente quando fica raiado de cor de rosa e amarelo. Sinal de um dia quente que se aproxima.

 

* A máquina fotográfica (ou um telemóvel com câmara) é imprescindível esteja calor ou frio. Seja verão ou inverno. Mas poder tirar fotografias nos dias quentes é o melhor que podemos fazer. Porque a luz natural é tão especial e confere uma luminosidade à memória dos momentos quentes, que seria impossível captar no inverno. E se captarmos o pôr do sol, melhor ainda.

 

* Calor é sinónimo de passear. E muito. Já basta termos dias suficientes no inverno para poder ficar em casa e descansar. O verão, o calor, os dias mais compridos são sinónimos para passear, para descobrir. E os lugares estão prontos para serem descobertos.

 

* É no verão que se comem os melhores petiscos. Porque é no calor que apetece beber um sumo e comer umas tábuas. Com uma sidra também calha bem. Com um final de dia perfeito, o que se quer mais?

 

* E, calor sem gelados, não é a mesma coisa. Porque refresca e alimenta. E se for uma bola de bola de Berlim e a cereja no topo do bolo. Oh Santini, as saudades que eu tenho de te dar uma trinca…

beijinhos **

Não se esqueçam que estamos no instagramfacebook e bloglovin'.

9 comentários

Comentar post