Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

de costas pr'ó mar

Mariana Sofia

Qua | 17.01.18

Fui à Primark e sobrevivi.

623532ED-FDED-48A1-BDAE-503779E03E59.JPG

Shopaholic assumida. É uma terapia, acreditem em mim. Não preciso de ir às compras, com um determinado propósito. Basta-me ir ver as montras, tocar nas peças de roupa, ir para o meio da confusão, num fim de semana aleatório. Vá com uma lista pensada ou não, gosto de definir as lojas a que quero ir. É escusado ir a uma loja onde sei, à partida, que não vou comprar nada. Ou porque não faz o meu estilo. Ou porque na minha carteira não abundam verdinhas.

 

A Primark é uma loja especial. Não, não passo lá a vida. Para bem da minha sanidade mental. Vou lá de vez em quando. Talvez uma três vezes, durante um ano inteiro. Os básicos são muito bons. Porque duram imenso tempo e são baratos. Os pijamas são tão confortáveis e quentinhos. Os tops e calções para a praia, para além de giros, são a um preço bastante acessível. As velas têm aromas suaves e são ao preço da chuva. E depois existem as surpresas. Como aquela camisola que andamos à procura desde que começou o outono, e que encontram como que por magia. No meio dos saldos, num dia de pouca afluência, a uma hora morta.

 

Sim, é possível nutrir tal afeto por um simples casaco, do qual farei camisola, amarelo, com um pormenor nas mangas que é só o que lhe dá uma graça. O preço? 3€. Alguma vez pensei eu comprar uma camisola por esta módica quantia? Nem nos meus sonhos. E as velas? 0,80€ (só de pensar que já dei 10€ por uma, ai). E sim, é possível ir à Primark, sem andar em confronto visual e físico com as pessoas. É possível ver as peças de roupa nas mesas centrais, e escolher um tamanho, sem que aquilo pareça a mesa da cueca a 1€ na feira. E é ainda possível circular pelos corredores desobstruídos. Basta escolherem um dia de semana, em época de aulas. Principalmente nas horas mortas. Ou logo de manhã, assim que o centro comercial abre. Garanto que a ida à Primark irá render.

beijinhos **

Não se esqueçam que estamos no instagramfacebook e bloglovin'.

8 comentários

Comentar post