Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

de costas pr'ó mar

Mariana Sofia

Qui | 08.02.18

Instagram, uma app que não funciona sozinha.

instagram.JPG

O instagram é a minha rede social preferida. Aliás, é a única onde vou recorrentemente, várias vezes ao dia. Porque sendo eu uma verdadeira apaixonada por fotografia, o instagram é o meu álbum virtual de eleição. Onde ponho as minhas melhores fotografias. E onde me inspiro para algumas fotografias que gostaria de tirar. Por isso, é a propósito das perguntas que chegam até mim, sobre as minhas fotografias e a sua edição, que vos vou falar da minha experiência. O que funciona comigo pode não funcionar com vocês, mas é a experimentar e partilhar ideias que chegamos lá.

 

01. Feed

O feed é uma das coisas mais importantes no instagram, dizem por aí. Não faço uma grande gestão das cores, porque tudo depende das condições em que a fotografia foi tirada. Nem sequer me preocupo em tirar fotografias sempre com a mesma cor de fundo, simplesmente porque não tenho paciência. Opto antes por uma organização, mais ou menos, idêntica. No verão, as fotografias são intervaladas entre a minha pessoa e tudo o que me rodeia. No inverno, como há menos oportunidade para fotografar, há mais fotografias do que está ao meu redor do que minhas. O feed não têm que obedecer a nenhuma regra de organização, deve antes espelhar aquilo que vocês mais gostam. Basicamente, o vosso feed do instagram é uma parte de vocês próprios.

 

02. Interação

A interação é uma componente difícil de gerir. Não podemos estar sempre a contar com o mesmo número de seguidores, porque as pessoas seguem só por seguir. Para angariar mais followers, seguem tudo o que é conta. Depois deixam de seguir, com apenas um click. Há até quem compre seguidores. Eu não entendo estas pessoas. A interação vai muito além de seguir ou não alguém. Passa por responder às histórias, mesmo que sejam as mais parvas de todas. Ou comentar as fotos, mesmo que seja apenas com um elogio simbólico. Ou colocar gosto nas fotografias. Responder às dúvidas que são colocadas. Ou até mostrar que têm um ponto de vista diferente sobre uma coisa que lá é exposta. Não interajo com todos os seguidores que tenho, claro que não. Apenas com aqueles que se mostram mais abertos a isso. Aqueles que interagem comigo.

 

03. Timming

Existem horas e dias para se publicar uma foto. Sim, eu faço parte deste grupo de pessoas. Porque se eu coloco lá fotografias espero que atinjam o maior número de pessoas. Se fosse apenas para serem vistas por mim, ficavam no meu telemóvel ou na máquina. Existe uma aplicação – UNUM – que vos indica quais os melhores dias da semana e as melhores horas. Depende muito da atividade dos vossos seguidores.

 

04 . Edição

Este elemento é aquele que merece mais dúvidas. As minhas fotografias são todas tratadas numa única aplicação de edição – VSCO. A grande maioria já conhece e até já utiliza. Mas nem todos somos iguais, e há quem ande a leste desta preciosidade. Os filtros que mais uso são o A4, A5, A6. Às vezes uso o C1, o M5 e o P5. Ainda mexo na luminosidade, contraste, nitidez, saturação, destaques e tom de pele. Cada fotografia merece uma atenção especial. Há aquelas que precisam de mais cor ou mais luz. Outras basta mexer na saturação. As fotografias não são todas tiradas debaixo da mesma luz, com os mesmos elementos e, por isso, não podem ser tratadas todas de igual forma.

 

E com isto tudo, já foram espreitar o meu instagram?

beijinhos **

Não se esqueçam que estamos no instagramfacebook e bloglovin'.

10 comentários

Comentar post